Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Som do Dia

por Nunovsky Ops, em 07.09.20
  • Resistencia - Se te Amo

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:18

Música Para Sempre... Ao Vivo

por O mar de Espinho, em 03.07.20

Hoje viro-me para a língua portuguesa. Não quero tirar a vez ao Nunovsky, nem de perto, nem de longe, mas "Amanhã É Sempre Longe Demais" depois dest "A Noite".

Resistência, uma super banda que surge em 1991 e gravou 2 albuns ("Palavras Ao Vento" e " Mano a Mano"), nos primeiros 2 anos e 2 meses da sua existência (Novembro de 1991 a Fevereiro de 1994). Depois da reunião em 2012, gravaram mais dois albuns de "originais" denominados de "Horizonte" e "Ventos e Mares". Em Dezembro de 1994 dão um concerto num hangar pertencente ao Porto de Lisboa (hoje terrenos do Parque das Nações) denominado de Armazém 22. Esse concerto foi gravado e editado um ano mais tarde num album duplo, de nome "Ao Vivo no Armazém 22".

Esta banda formada incialmente por Tim (Xutos e Pontapés), Pedro Ayres Magalhães (Ex- Herois do Mar e Madredeus), Fernando Cunha (Delfins), Olavo Bilac (Santos e Pecadores), Miguel Angelo (Delfins), Fernando Júdice e José Salgueiro, ambos ex- Trovante. Do jazz juntaram-se Alexandre Frazão, Fredo Mergner e Rui Luis Pereira, mais conhecido por "Dudas". Para a reunião de 2012, Fredo Mergner é substituido por Pedro Jóia, um homem do flamengo e do jazz e ainda se junta Mário Delgado, também ele do jazz.

Esta banda iniciou a tocar não só versões acústicas de músicas portuguesas que por norma nunca atingiram êxitos redundantes, mas também, lados b de alguns singles. Colocaram no mapa músicas menos conhecidas dos Xutos e Pontapés, Sitiados, Delfins, Herois do Mar, Zeca Afonso, Rádio Macau, Trovante e GNR. Algumas destas músicas redundaram em êxitos e hoje são mais conhecidas como sendo da Resistência do que as originais.

Na retina e logo no inicio ficaram por exemplo "Não Sou o Único", "Nasce Selvagem", "A Noite" e "Amanhã é Sempre Longe Demais".

Por ser uma banda especial, hoje coloco aqui 2 videos: "Amanhã É Sempre Longe Demais" (Rádio Macau) e "A Noite" (Sitiados). Tenho muita pena de não ter nenhum video com qualidade de som suficiente do concerto no Armazém 22 e por isso, ambos os videos pertencem ao período reunião pós 2012.

A particularidade do video da "A Noite" é, ao contrário do habitual, o facto de ser uma montagem desta música ao vivo em vários concertos, que para mim está muito bem feita e representa o sucesso desta música em todo o país.

Resistência- as vozes de uma geração; a minha.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:12



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.





Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D