Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Tínhamos de dar o exemplo...

por Nunovsky Ops, em 13.08.20

Quando tinha 13 anos apaixonei-me pela nobre arte do jornalismo. 

Então foi descobrir toda uma panóplia de jornalistas que, em pleno Cavaquismo, mostravam a sua essência e profissionalismo: Joaquim Furtado, Miguel Sousa Tavares, José Vegar, Margarida Marante, Fernando Pessa, Emídio Rangel, Cândida Pinto, Rodrigues dos Santos, Albarran, a malta do Expresso e os tipos do "Independente": Paulo Portas e Miguel Esteves Cardoso...

Que tempos... Que irreverencia respeitando o código deontológico... A guerra do Golfo, os reportes de guerra, a denuncia dos excessos do Cavaco e as falhas do Guterres...

Depois disto... o deserto e o degredo... a "tabloidização" da informação, as verdades alternativas e a submissão às agendas mediáticas do poder...

Até que decidimos, neste blog, combater este marasmo e estatização da informação...

Juntamos uns cobres e uns caramelos e decidimos enviar um repórter - o dafrog - ao Brasil para que fizesse uma série de reportagens sobre os assuntos que realmente interessam: 

  1. Será que Bolsonaro é mesmo mau ou ainda é pior do que pensamos?
  2. Como estão os brasileiros a enfrentar a pandemia?
  3. Como está o Felamengu sem o Jasus ao comando do time
  4. A comunidade portuguesa naquelas latitudes como se está a safar?

Estas e outras questões serão alvo de análise e escrutínio por parte do nosso repórter Dafrog... 

Aguardamos ansiosos as noticias do drama, a tragédia, o horror...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:27

Analisando a ...Reciclagem

por Nunovsky Ops, em 02.06.20

Este período de confinamento, e layoff para alguns, tem sido complicado. São tempos extremos onde seguramente ninguém se tinha imaginado viver.

saúde mental é uma das preocupações dos profissionais de saúde pós-vírus e temos inúmeras evidencias que essas preocupações são válidas e mais do que legitimas.

Isto vem a propósito do ultimo post do Dafrog supostamente sobre a reciclagem. Como nota prévia, devo referir que conheço vagamente o Dafrog (foi-me apresentado por amigos) e a fiquei com a impressão que se tratava de uma personagem que mistura André Ventura com Francisco Louçã e uns traços do tipo do CDS mais o assessor da Joacine. Mas adiante...

No seu post (passando à frente a mania das grandezas "Darwin"), verificamos que voltou ao conservadorismo (traços do CDS) que pensávamos só existir na nossa infância que eram aquelas velhotas, que à janela e à varanda, eram autenticas câmaras de vigilância relatando todas as ocorrências na mercearia da D. Alzira no dia seguinte... O Dafrog faz isso agora no blog que deve ter a mesma audiência...

Depois, qual reaccionário, insurge-se contra um dos desígnios da Humanidade que é o cuidar do meio ambiente, da Natureza e da sustentabilidade do nosso planeta: não faz reciclagem... E porquê? Porque o preço da água é exorbitante, é cobrada por uma empresa chinesa e com notória exploração do proletariado ("andava a pagar para trabalhar"). Ora, isto revela uns laivos de Louçã, não acham?

Depois discorre a sua "masculinidade tóxica" na dislexia feminina relativa às direcções e às cores... Como se isso fosse verdade... E o incitamento à violência que faz a seguir?? Pá, olha que isto não é a Koreia do Norte ou então os Estates ou pior.... Fafe!

Penso, assim, que após esta compostagem ao ultimo post do Dafrog, está mais do que justificado um período de quinze dias, totalmente grátis, num resort ali para os lados da Estrada da Circunvalação que dá pelo nome de Magalhães Lemos Spa Hotel, com tudo incluído, que a austeridade ainda não chegou.

 

Ps1: Reparem que não fiz menção ao facto de ele andar a espiar as vizinhas, na terra das gajas boas, não haja por aí uma Carla Sofia a ler isto...

Ps2: eu tambem não faço reciclagem pelas mesmas razões...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:26



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


subscrever feeds




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D